Fotografo: Reprodução
...
Sem Legenda

O professor Roberto Corrêa Pantoja, servidor concursado do município de Acará, no nordeste paraense, foi preso na manhã desta terça-feira (12). Ele é acusado de ter estuprado três menores do sexo masculino de 13, 14 e 15 anos.

A prisão foi cumprido pela equipe comandada pelo delegado Neyvaldo Silva, da Divisão de Investigação e Operações Especiais (Dioe).

O professor também trabalhava como apresentador em um circo no município, onde teria tido acesso às vítimas, conforme denúncias recebidas e apuradas pela equipe policial.

Roberto Corrêa será indiciado pelo crime de estupro de menores. O professor será apresentado às 14h, na Dioe, localizada no bairro do Marco, em Belém, na condição de preso de Justiça.